Liberdade e tecnologias em debate na Boa Vista

No Dia da Liberdade, 25 de abril, teve lugar no Centro de Dia da Boa Vista um debate sobre o tema “Liberdade e Novas Tecnologias”, organizado pela paróquia.

O convidado Luís Miguel Ferraz, diretor adjunto do jornal Presente Leiria-Fátima, partiu, sobretudo, da sua experiência como pai de três filhos, partilhando algumas das questões comuns das famílias em relação ao mundo digital, uma realidade inevitável e com grande utilidade profissional e de entretenimento para crianças e adultos. “A tecnologia não é boa nem má; o uso que dela se faz é que pode ser mais ou menos correto”, começou por lembrar. Para esse bom uso, é essencial conhecer potencialidades e riscos e estabelecer regras e limites.

O digital é a linguagem normal das gerações mais jovens e os seus comportamentos são moldados pelas tecnologias que usam, como “um órgão vital” do seu próprio corpo. Não se pode privar os jovens da tecnologia, mas cabe aos pais e educadores ajudá-los na utilização e a filtrar e a ter olhar crítico sobre a informação que consultam. O uso das tecnologias foi comparado com a necessidade de comer, sendo dever dos pais estarem atentos aos excessos e a procurar um consumo equilibrado, acompanhando as suas atividades no “mundo digital”, tal como no “mundo real”.

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress