Jovens do 10º ano dos Pousos aprendem a namorar

“Confiança, Compromisso e diálogo” são os pilares do namoro, do matrimónio e na verdade de uma vida a dois.

Foi esta a ideia fundamental que os jovens que frequentam o 10º ano da Catequese dos Pousos tiveram com dois jovens casais, que foram dar o seu testemunho sobre namoro e casamento.

A sessão de catequese estava precisamente relacionada com este tema “Namoro vs Matrimónio”. O grupo que frequenta a catequese ao sábado à tarde, teve a oportunidade de ouvir a Eva e o Xavier. Sendo, desde já curioso, realçar o facto de a Eva ter sido catequizanda da Alexandra Neves na sua juventude, durante cinco anos e dois anos num grupo de jovens.

No seu testemunho, a Eva e o Xavier contaram como se conheceram e como desenvolveram a sua relação, enquanto namorados e depois como marido e esposa até aos dias de hoje, quando já são pais de duas crianças.

Neste percurso ficaram a saber que o primeiro encontro, não foi amor à primeira vista, principalmente para a Eva. Porém, um dia, e passado bastante tempo do primeiro momento, cruzaram-se e voltaram a conversar, surgindo o início do seu percurso de amor.

Para este casal, o conversar, o partilhar o dia-a-dia, mesmo que por breves minutos e a sós e o respeitar e manter, ao longo da vida, a identidade de cada um, são fatores muito importantes para a manutenção de um casamento saudável. Mesmo em situações de não acordo imediato e exemplificaram a temática da educação dos filhos, a partilha de opiniões e o desejo da sintonia para a tomada das várias decisões, são detalhes que não deixam descurar. O objetivo é que tudo termine em harmonia e cada um confie e flexibilize.  

O grupo de domingo teve a oportunidade de conhecer a história da Carla e do Filipe, um jovem casal muito ativo na paróquia dos Pousos, já com três filhos.

Curiosamente, é uma história semelhante à do casal convidado de sábado, já que a Carla, quando conheceu o Filipe, também não lhe achou muita graça. Este casal conheceu-se durante um retiro do Movimento da Mensagem de Fátima e na preparação dos momentos de animação do retiro. Mas, a verdade é que a Carla chamou a atenção do Filipe, pela dinâmica que lhe é característica e “correu” atrás dela sem nunca mais se largarem. Namoraram muito e casaram.

Durante o seu testemunho deixaram claro que a comunicação é muito importante no seio do casal, assim como, é necessário estar muito atento ao outro, no sentido de poder ajudar quando necessário. Este casal também considera que ter Deus presente no seu matrimónio os ajuda a serem mais felizes e, na verdade, a serem melhores um para o outro e depois com os outros que os rodeiam.

Dos dois testemunhos ficou a certeza de que o namoro e depois o casamento implica sempre o respeito, muito diálogo, muita partilha de ideias. É também necessário fazer cedências, mas é importante que nenhum dos elementos do casal se anule para agradar o outro. A confiança é também um dos pilares mais sólidos de uma relação. Assumir o matrimónio como um sacramento sagrado e vive-lo na sua plenitude, atenua a superar os momentos menos favoráveis de uma relação a dois.

Por fim, os jovens perceberam que não é possível construir uma relação a dois, quer no namoro, quer no matrimónio, sem se assumir verdadeiramente o compromisso de amar o outro. Fica o agradecimento aos dois jovens casais pelo seu testemunho e os votos que a vossa felicidade seja eterna.

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia…

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter

Print

Print Friendly, PDF & Email

REDE - Revista Digital

Mais recente

Telegram: Leiria-Fátima News

Todas as notícias de www.leiria-fatima.pt em primeira mão no seu smartphone.
Canal unidirecional para divulgação de notícias da Diocese de Leiria-Fátima.

Telegram: Leiria-Fátima Chat

Canal de conversação da Diocese de Leiria-Fátima.
Para troca de ideias sobre os canais digitais da Diocese de Leiria-Fátima e partilha de conteúdos entre os seus colaboradores na área da comunicação.

Newsletter

Nota: Depois de submeter a sua inscrição, deve confirmá-la. As instruções estão num email que irá receber.