Imagem Peregrina de Fátima visita clausura

A Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima irá ser acolhida, durante uma semana, por cada um dos 37 mosteiros ou conventos contemplativos femininos e masculinos existentes em Portugal.

A proposta partiu do próprio Santuário de Fátima, integrada no programa de preparação para o Centenário das Aparições, e deverá ser concretizada entre 2014 e 2015. Nesse sentido, está a ser comunicada a todos a todas as comunidades de clausura e “gerou uma genuína e espontânea alegria”, refere o padre Emanuel Silva, vice-reitor do Santuário. Uma reação que pôde ser comprovada pessoalmente pelo reitor de Fátima, padre Carlos Cabecinhas, na visita que decidiu fazer aos mosteiros e conventos contemplativos da diocese de Leiria-Fátima, a saber, Irmãs Clarissas de Monte Real, Monjas da Visitação de Nossa Senhora da Faniqueira, Monjas Dominicanas do Rosário Perpétuo, Irmãs Carmelitas de Fátima e Irmãs Clarissas em Fátima.

Motivo de “grande e delicadíssima alegria” foi também a entrega pelo reitor, em nome da Postulação para a Canonização dos Beatos Francisco e Jacinta Marto, das relíquias dos Pastorinhos, o mesmo presente que foi oferecido ao Papa Francisco, aquando da visita da Imagem da Capelinha das Aparições ao Vaticano, a 12 e 13 de outubro deste ano.

Este anúncio presencial foi feito apenas a estas comunidades mais próximas, mas todas as outras receberão a mesma informação, não apenas sobre a visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima, mas sobre todo o itinerário celebrativo do Centenário das Aparições. Isto porque uma das razões para esta proposta é, precisamente, “pedir a estas comunidades que, com a sua oração, no encontro com a Mãe do Céu, fortaleçam o alicerce de todos os eventos relacionados com a celebração do centenário”, adianta o padre Emanuel Silva.

Sendo espaços “muito discretos, mas também sempre habitados por uma vida profunda de oração e de serviço a Deus”, os mosteiros e conventos de clausura têm como vocação e missão específicas “falar da vida e das necessidades dos homens a Deus”, rezando pelas intenções de toda a humanidade. A visita da Imagem Peregrina visa também levar esta intenção à intimidade das comunidades contemplativas e “acolher delas a força que brota da oração, pois é na oração que este itinerário comemorativo deverá começar e terminar e será ela o grande suporte de tudo o que se fizer”, considera o vice-reitor.

Recordamos que o período de preparação do Centenário das Aparições decorre desde 2010 e pretende ser já um percurso celebrativo, tendo como grande objetivo “promover e possibilitar o maior conhecimento da Mensagem de Fátima, a maior vivência da sua dimensão teologal, a maior consciencialização da sua dimensão profética atual, a maior perceção da sua dimensão especificamente eclesial, um maior acolhimento dos seus desafios e caminhos de conversão”.

Na mesma linha de envolvimento de toda a Igreja nesta caminhada, adianta o Santuário, será promovida posteriormente, entre 2015 e 2017, a visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora a todas as dioceses portuguesas.

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia…

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter

Print

Print Friendly, PDF & Email

REDE - Revista Digital

Mais recente

Telegram: Leiria-Fátima News

Todas as notícias de www.leiria-fatima.pt em primeira mão no seu smartphone.
Canal unidirecional para divulgação de notícias da Diocese de Leiria-Fátima.

Telegram: Leiria-Fátima Chat

Canal de conversação da Diocese de Leiria-Fátima.
Para troca de ideias sobre os canais digitais da Diocese de Leiria-Fátima e partilha de conteúdos entre os seus colaboradores na área da comunicação.

Newsletter

Nota: Depois de submeter a sua inscrição, deve confirmá-la. As instruções estão num email que irá receber.