Acção Católica Rural reunida em Gouveia

A ACR reafirma a sua vontade de dar continuidade ao trabalho do Movimento, como uma mais-valia pelo percurso de formação e comunhão, bem como pelo incentivo à ação no meio.
http://lefa.pt/?p=53681

Reunidos em Conselho Nacional, na Casa Rainha do Mundo, em Gouveia, Diocese da Guarda, representantes das 11 Dioceses em que a Acção Católica Rural (ACR) está implantada (Braga, Coimbra, Funchal, Guarda, Leiria-Fátima, Lisboa, Porto, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu), bem como a Equipa Nacional, refletiram sobre o apostolado e a missão do Movimento, bem como sobre as comunicações/redes sociais, e projetaram o plano de ação para 2023/2024.

Os trabalhos tiveram início com uma oração – “Chá com Maria”, que nos interpelou a seguir como Maria, apressadamente, num apostolado de entrega à obra de Deus, que é este Movimento da Acção Católica, que celebra 90 anos, e do qual somos pertença.

Depois da Eucaristia, presidida pelo Exmo. Sr. D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, o Conselho prosseguiu com a reflexão do Assistente Nacional, Padre Hélder Gonçalves, sobre a pergunta “Que Movimento queremos ser hoje”, que nos levou a deter sobre a noção de tempo: passado, presente e futuro conjuntamente com o método de Revisão de Vida: ver, julgar e agir. Em suma, ver o passado nas suas conquistas e fracassos, para podermos depois julgar o presente, retirar daí a força de Deus, e seguidamente colocar todo o agir no futuro que aí vem. Recolher do passado, verbos proféticos que nos enchem de confiança e esperança daqueles que fazem e fizeram a história da ACR em Portugal, neste tempo de investir, decidir, adaptar, confiar, ajudar, descobrir e mobilizar todo o Movimento.

Para o programa de 2023/2024 propõe-se, depois de uma leitura dos sinais dos tempos e das realidades diocesanas:
• Recriar tempos e espaços de Revisão de Vida como parte essencial da nossa vocação e missão;
• Viver a experiência da sinodalidade numa dupla dimensão: aproximar/unir os grupos da ACR para aprofundar a sua identidade e aproximar/unir os grupos da comunidade eclesial, construindo o Reino de Deus com todos;
• Recriar as oportunidades de formação para sabermos dar “razões da nossa fé” aos outros;
• Recriar formas de comunicação e anúncio do Evangelho, através da ação pessoal e dos meios digitais, sempre que possível.

A ACR reassumiu a Revista Mundo Rural como órgão de comunicação, informação e formação integral para os militantes e simpatizantes do Movimento. Foi dado um destaque especial às comemorações dos 60 anos da Revista, que se celebra neste ano de 2023.

A ACR reafirma a sua vontade de dar continuidade ao trabalho do Movimento, como uma mais-valia pelo percurso de formação e comunhão, bem como pelo incentivo à ação no meio, nomeadamente através da Campanha de Solidariedade “Cinco pães e Dois peixes”.

A Direção Nacional

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress