Um jantar diferente no Dia dos Namorados

Como noticiado, decorreu, no passado dia 14 de fevereiro, um jantar de namorados promovido pelo Serviço de Animação Vocacional (SAV) da diocese de Leiria-Fátima e organizado em parceria com a Equipa de Pastoral Familiar da Vigararia das Colmeias. O encontro decorreu no Seminário Diocesano e contou com a presença de seis pares de namorados, provenientes de várias paróquias da Diocese.

Depois de uma breve apresentação, os namorados tiveram a oportunidade de escutar o testemunho de um jovem casal que falou do seu percurso de namoro, como a fé esteve presente e os auxílios que foram encontrando nesta caminhada para o Matrimónio.

Enquanto decorria o jantar, os participantes foram convidados a fazer um duplo trabalho: responder a algumas perguntas e, paralelamente, escrever uma história “a doze mãos”, numa folha que ia percorrendo as mesas. Seria a história de um par de namorados cristãos… havia que dar asas à criatividade (ver abaixo).

Estes dois trabalhos foram apresentados em “plenário”, seguindo-se um momento formativo, com uma dinâmica que visava desenvolver em cada par o cuidado do outro, a importância de ser auxílio na necessidade e o aceitar correr o risco da confiança. O encontro terminou com um momento de oração, centrado no texto de Mateus 7, 21-25: construir a casa sobre a rocha que é o Evangelho.

Os pares de namorados manifestaram o seu agrado pelo encontro que os ajudou a viver de forma diferente este dia dedicado a si, dando atenção e primazia à relação que estão a construir. Interessante também a experiência vivida pelos elementos da equipa vicarial, desafiados também a aprofundar o seu ser casal sacramental.

P. Orlandino Bom

 

Testemunhos

2014-02-19 namorados MonicaDecidimos comemorar o Dia dos Namorados dando-lhe um sentido diferente. Como casal de namorados cristãos, aceitámos o desafio de celebrar neste dia a nossa vocação para o amor com Deus. A partilha com outros casais de namorados e com os casais pertencentes à equipa da pastoral familiar e do SAV, os momentos de diálogo e oração em casal ajudaram-nos a aprofundar a descoberta do dom de Deus na experiência humana do amor.

Para nós, a vivência desta vocação de amor, que nos sentimos chamados a viver rumo ao Matrimónio, apenas tem verdadeiro sentido se for vivida em comunhão profunda entre os dois, com Deus e em comunidade.

Mónica e Ricardo, Cercal e Ribeira do Fárrio

 

2014-02-19 namorados taniaNeste Dia dos Namorados, decidimos aceitar uma proposta diferente do habitual. Esta experiência deixou-nos surpreendidos: houve momentos de partilha marcantes, o ambiente era acolhedor e fraterno, assim como as pessoas. Houve uma aprendizagem mútua, saímos enriquecidos e ainda tivemos um agradável presente: um belo jantar romântico onde pudemos refletir e aprofundar assuntos essenciais na nossa relação, deixando-nos com vontade de introduzir mais ainda Deus na nossa relação.

Tânia e Pedro, Vermoil e Meirinhas

 

História a doze mãos

Era uma vez uma rapariga chamada Maria e um rapaz chamado João. A Maria tinha uns lidos olhos castanhos e gostava muito de cantar. O João era alto e moreno e gostava muito de tocar viola.

O João e a Maria decidiram, desde que começaram a sua relação, que queriam que Deus e a religião fossem uma parte ativa do mesmo. No entanto, como seria de esperar, esta atitude não era facilmente aceite pela sociedade.

Porém, esta relação de namoro não fazia sentido sem a presença de Deus. Assim, além de passearem juntos, irem ao cinema, à praia, em que “namoriscavam”, se divertiam, conversavam e se iam conhecendo, também faziam outras coisas.

Um dia, a Maria teve um grande acidente, perdeu os movimentos dos membros inferiores e a sua fé acabou. O João não sabia muito bem como resolver esta situação. Afinal, ele era crente e amava alguém que não acreditava em Deus.

Então o João, num sonho, recebeu a visita de Jesus que lhe disse: “João, não te preocupes, Maria irá encontrar novamente o caminho!” No dia seguinte, João acordou cheio de esperança. Foi ter com Maria e ela tinha tido o mesmo sonho. Neste momento foi quando João percebeu que Maria era mesmo o amor da sua vida.

Decidiram não ficar indiferentes a este sonho/mensagem de Deus. E por isso decidiram participar num convívio cristão do qual tinham ouvido falar. Neste convívio ambos conseguiram fortalecer a sua fé, passando por várias experiências marcantes e essenciais para o seu crescimento como namorados cristãos. Assim, a partir desse dia, decidiram adicionar um terceiro elemento à sua relação: Deus. Após alguns anos saudáveis e alegres de namoro, decidiram começar uma nova etapa das suas vidas, o Matrimónio.

Leia esta e outras notícias na...

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter

Print

Print Friendly, PDF & Email

REDE - Revista Digital

Mais recente

Telegram: Leiria-Fátima News

Todas as notícias de www.leiria-fatima.pt em primeira mão no seu smartphone.
Canal unidirecional para divulgação de notícias da Diocese de Leiria-Fátima.

Telegram: Leiria-Fátima Chat

Canal de conversação da Diocese de Leiria-Fátima.
Para troca de ideias sobre os canais digitais da Diocese de Leiria-Fátima e partilha de conteúdos entre os seus colaboradores na área da comunicação.

Newsletter

Nota: Depois de submeter a sua inscrição, deve confirmá-la. As instruções estão num email que irá receber.