Retiro Popular para a Quaresma já está disponível

O formato impresso do Retiro Popular pode ser adquirido na Gráfica de Leiria.
http://lefa.pt/?p=56190

Já está disponível, em formato digital e em livro, o guião para o retiro popular que o bispo D. José Ornelas propõe aos diocesanos de Leiria-Fátima para a Quaresma de 2024. O tema enquadra-se na temática para este triénio: “Pelo Batismo Somos Igreja Viva e Peregrina”.

Na introdução ao guião, D. José Ornelas começa por afirmar que “estamos em caminho sinodal” e que, por isso, “queremos escutar-nos uns aos outros e, juntos, discernir os sinais dos tempos, as inspirações e indicações do Espírito Santo sobre os passos a dar para tornar o coração e o rosto das nossas comunidades cristãs mais conformes com o Evangelho”. Neste contexto, o prelado considera que a leitura orante da Palavra de Deus (lectio divina), em grupo, no percurso do retiro popular, poderá tornar-se experiência espiritual e instrumento pedagógico preciosos.

O bispo diocesano convida “as famílias, os grupos, as diferentes comunidades e os movimentos eclesiais a acolherem esta proposta pastoral e fazerem, segundo as suas possibilidades, no todo ou em parte, este percurso espiritual”.

Tradição na Igreja no projeto diocesano

O retiro popular retoma a longa tradição da Igreja que busca na leitura orante da Palavra uma ocasião de encontro vivificante com Deus. Ele foi preparado a partir da Palavra de Deus, assumindo a forma de leitura dinâmica e orante, a chamada Lectio Divina, que põe à escuta de Deus, de modo a poder aplicar à vida o que Ele disse.

As passagens bíblicas propostas a partir do tema do Projeto Pastoral 2023-2026 da Diocese de Leiria-Fátima, têm como motivo temático o dinamismo da fé recebido no Batismo e continuado na experiência pessoal e comunitária de encontro com o Senhor.

Ao longo de cinco temas, os participantes começam por contemplar a primeira prova do povo de Deus no deserto, com a imagem da falta de água e com a resolução do problema pelo próprio Deus, que ensina e cuida do Seu povo: “Água que manifesta a Graça” (Tema 1: Ex 15,22-27). O segundo tema colocam diante da humildade de João Batista, que batiza com água, e de Jesus, que batiza no Espírito Santo: “Batizados no Espírito” (Tema 2: Mc 1,4-13). É o Espírito Santo que se recebe no Batismo, que permite o encontro com Jesus, como será visto no tema seguinte: “Vi o Senhor: encontro com o Ressuscitado” (Tema 3: Jo 20,11-18). É dom do Batismo ser “Testemunhas de Jesus pela força do Espírito” (Tema 4: At 1,4-11); e é uma graça viver na certeza de que os cristãos são, “Pelo Batismo, filhos e herdeiros” (Tema 5: Rm 8,4-17).

O guião, como tem sido habitual, dá orientações específicas para a realização dos encontros do retiro popular. Nelas, são respondidas as questões mais práticas, que transcrevemos a seguir.

Para quem é este retiro?

É uma proposta dirigida a todos os cristãos e a quantos manifestem sede de encontrar na Palavra de Deus um instrumento de aprofundamento orante do significado da sua vida e da experiência da fraternidade na Igreja. Devem ser convidados os jovens e outras pessoas a fazerem este caminho em grupos, para que tenham a vivência do encontro com Jesus e da alegria da fé.

Como se pode fazer o retiro?

Propõe-se que se privilegie uma vivência em comunidade. Para facilitar a partilha, pode ser vantajoso fazê-lo em pequenos grupos: paroquiais, familiares, locais. Nas paróquias, onde houver vários grupos, será proveitoso que um ou dois encontros se façam em assembleia.

Onde se deve fazer o retiro?

Os encontros semanais podem ser realizados nas igrejas e até diante do Sacrário, pela intensidade da oração pessoal e comunitária que se pretende propor. Pode também ser realizado nas salas paroquiais ou em casas particulares. Aconselha-se a que se procure sempre criar um ambiente propício à oração, preparando o espaço com elementos simbólicos (Bíblia em destaque, cruz, vela) e evitando interferências ou interrupções. Os participantes poderão dispor-se em círculo ou em semicírculo, se o lugar o permitir.

Quanto tempo dura o retiro?

É proposto para um ritmo semanal, em seis encontros de cerca de uma hora. No final do encontro, se o grupo assim o entender, pode haver um momento de convívio.

Quem orienta o retiro?

O esquema proposto permite que qualquer pessoa possa promover o retiro. O conhecimento bíblico e o discernimento espiritual serão mais-valias a ter em conta pelo orientador. 

O que é necessário ter para fazer o retiro?

Para que se faça uma leitura dinâmica e orante da Palavra, preferivelmente em grupo, é importante que todos os que podem tenham consigo a sua própria Bíblia e que encontrem a passagem bíblica antes de começar a dinâmica da Lectio divina. Será útil também que cada participante tenha consigo um caderno de apontamentos, para escrever algumas notas do que ouviu e descobriu no encontro. Pode servir para relembrar em casa. É bom que cada pessoa tenha o seu exemplar deste guião, ou pelo menos a fotocópia do tema de cada encontro.

O formato impresso do Retiro Popular pode ser adquirido na Gráfica de Leiria.

Retiro Popular (.pdf)
http://l-f.pt/Iup5
Retiro Popular (.doc)
http://l-f.pt/euaY
Retiro Popular (.gdoc)
http://l-f.pt/6usO

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress