Reinício das celebrações comunitárias na Calvaria

A partir do próximo fim-de-semana, 30 e 31 de maio, voltaremos a uma certa normalidade, com a possibilidade da presença dos fiéis nas celebrações da Missa.
http://lefa.pt/?p=26125

A partir do próximo fim-de-semana, 30 e 31 de maio, voltaremos a uma certa normalidade, com a possibilidade da presença dos fiéis nas celebrações da Missa. Não será bem igual ao que tínhamos antes da pandemia: há normas que temos de seguir, nomeadamente no que diz respeito à desinfeção das mãos e ao uso obrigatório de máscara protetora, assim como o distanciamento social que estipula que se deve respeitar a distância mínima de segurança entre participantes de modo que cada fiel disponha, só para si, de um espaço mínimo de 4m2 (esta regra do distanciamento não se aplica a pessoas da mesma família ou que vivam na mesma casa).

Missas dominicais apenas na igreja paroquial

A igreja paroquial vai ser preparada para este reinício das celebrações e, no próximo fim-de-semana, as celebrações serão apenas na igreja paroquial da Calvaria. Assim, na igreja paroquial, haverá a Missa no sábado, 30 de maio, às 19h; e no domingo, dia 31 de maio, às 11h. A igreja pode receber cerca de 50 pessoas (embora não seja possível prever o caso dos grupos familiares). Algumas portas ficarão abertas também para que, eventualmente, quem o queira possa participar no exterior.

Entretanto, veremos as condições para poder retomar a celebração da Missa vespertina, ao sábado, em São Jorge.

Missas durante a semana

Em relação às missas durante a semana, continuaremos a celebrar na Calvaria às segundas e sextas-feiras. Às quartas-feiras continuará a celebração, de forma rotativa, nas igrejas não-paroquiais, já com a possibilidade da presença de um grupo reduzido de pessoas, tendo em conta as características / tamanho de cada igreja, pois deveremos seguir as mesmas normas de uso de máscaras, desinfeção das mãos e distanciamento social nessas celebrações.~

A partir do início do mês de junho, a missa durante a semana será às 20h.

Estamos num tempo de incerteza a dar passos nunca dados; o decisivo é, naturalmente, a responsabilidade de cada um: há de cuidar de si e velar pelos outros, procurando respeitar sempre distâncias de segurança e medidas de higiene.

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress