Pousos juntou-se à Diocese em peregrinação

http://lefa.pt/?p=56877

O dia começou às 5 de manhã para os que decidiram levantar-se para peregrinar, caminhando. Mesmo que ainda fosse noite, no adro da igreja dos Pousos reuniram-se crianças e adultos para iniciar a Peregrinação anual da Diocese Leiria-Fátima, que já é realizada pela nonagésima primeira vez. O entusiasmo e a alegria reinaram, não só no início da caminhada, mas durante todo o percurso. E foi num ambiente espiritual próprio de uma Peregrinação, em que o frio do ar ficou longe de diminuir o calor humano (antes o reforçou), percorremos 18 km sem queixas de cansaço e com uma alegria contagiante. Até Fátima, fizemos as 15 estações da Via Sacra, onde as paragens permitiram a participação de alguns dos peregrinos na leitura das orações. A cada estação percorrida, novas vontades e forças aumentaram o sentimento de responsabilidade, de união e de fraternidade cristã.

Foi um privilégio acompanhar-vos, pois a dedicação que depositam em tudo o que fazem é realmente admirável. A orientação e o cuidado do Lúcio, o companheirismo, a simpatia, a reportagem fotográfica, os carros de apoio que deram “boleia” às crianças… fizeram desta peregrinação adorável e pacífica. Eram 8h00 quando chegámos a Santa Catarina da Serra e qual a nossa surpresa, ao encontrarmos um majestoso pequeno-almoço. Num sítio fabuloso, pudemos descansar um pouco e recuperar energias. Assim como desfrutar dos primeiros raios de sol e degustar as magníficas iguarias. Aplausos para o secretariado da catequese e aos que contribuíram com géneros e na sua preparação! Houve momentos de silêncio, de conversas, de canto, não faltou absolutamente nada! Finalmente chegamos a Fátima, quase nem demos por isso. Tiramos a usual fotografia de grupo e, antes de irmos para o santuário, tivemos uma breve e recuperadora sessão de “alongamentos” para que no dia seguinte não houvesse dores musculares, nem lesões. Aquando da chegada ao recinto foi possível visualizar uma faixa de 10 metros, onde estavam escritos milhares de nomes de peregrinos, com a sua data de Batismo. Este era o mote para a Peregrinação deste ano: “Pelo Batismo Somos Igreja”. Na homilia, D. José Ornelas, apresentou este sacramento da iniciação cristã e reforçou que foi pelo nosso Batismo que nascemos para esta família que é a Igreja. Da parte da tarde, ainda alguns dos peregrinos do grupo participaram na Festa Diocesana, no Centro Pastoral Paulo VI, que lembrou os dons da JMJ e que evocou o tempo quaresmal.

Foi uma experiência vivida intensamente e com a certeza que marcou todos. Os nossos corações vieram com a sensação de missão cumprida. Viemos cheios, cheios de coisas boas (e não foi só de bolos). Todos ficamos com uma vontade imensa de repetir e de levar connosco mais amigos. Faltou tempo para mais, mais convívio, mais conversa e mais mimos…

Paula Lima

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress