Paróquia do Reguengo do Fetal em destaque no Presente

“502 anos de tradição e devoção” é o título do caderno de 3 páginas sobre a paróquia do Reguengo do Fetal, na edição desta semana (10.04.2014) do semanário diocesano Presente Leiria-Fátima.

“A minha aldeia é farta, fértil e fria, desconhece a miséria e vive tão satisfeita que não pede nada a ninguém … Povo faminto de trabalho, integrado no ambiente estático em que vive e com ele perfeitamente amalgamado, tem tradições perdidas na voragem das eras mortas e não as esquece nem deturpa. É religioso sem ser fanático. Festeja os seus oragos como quem rende homenagem a pessoas amigas, faz estralejar foguetes às molhadas nos dias álacres das romarias…”

A citação é de Adelino Mendes, emérito jornalista de “O Século” e ilustre reguengueiro, pronunciadas na noite de 14 de Março de 1940, em Conferência proferida na extinta Casa do Distrito de Leiria, em Lisboa. Os 502 anos que passaram desde a criação da paróquia do Reguengo do Fetal foram testemunhas de mudanças na caracterização desta comunidade, mas o seu cunho devoto parece ter-se tornado uma marca indelével. As igrejas da Alcaidaria, Alcanadas, Garruchas, Torre, Torrinhas e a igreja matriz são provas da edificação de uma comunidade paroquial que não esconde a sua profunda religiosidade. Os 502 anos que a paróquia celebra este ano cunharam de ricas tradições uma povoação, que se mantém unida à volta da sua riqueza cultural e religiosa.

Conheça os principais dinamismos desta comunidade e confira a entrevista ao pároco, na edição em papel.

 

Receba as notícias do SÍNODO em tempo real

Pode, ainda, escolher quais as notícias que quer receber: destaques, lectio divina, catequese, da sua paróquia…

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

Leia esta e outras notícias na...

Escrito por:

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

REDE - Revista Digital

Mais recente