Leiria-Fátima recebe Símbolos das JMJ em maio

Durante todo o mês de maio, os Símbolos vão percorrer a diocese, passando por cada uma das vigararias, terminando a sua peregrinação na vigararia de Porto de Mós.
http://lefa.pt/?p=52566

Faltam…

00Dias
00Horas
00Minutos
00Segundos

Para a JMJ 2023!

Falta menos de um mês para chegarem à diocese de Leiria-Fátima os Símbolos das Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ), a Cruz Peregrina e o ícone de Nossa Senhora Salus Populi Romani. 

Durante todo o mês de maio, os Símbolos vão percorrer a diocese, passando por cada uma das vigararias, terminando a sua peregrinação na vigararia de Porto de Mós, onde serão entregues à diocese de Santarém, a 2 meses da JMJ Lisboa 2023.

Cada vigararia está a preparar o seu programa, mas o Comité Organizador Diocesano (COD) destaca já alguns momentos da Peregrinação dos Símbolos em Leiria-Fátima:

No dia 30 de abril, a partir das 20h00, a comunidade diocesana está convidada a acolher os Símbolos na Sé de Leiria, que vão ser entregues pela diocese de Coimbra, ao fim da tarde, em Pombal. Em Leiria faremos uma caminhada até ao cimo do monte de Nossa Senhora da Encarnação.

No dia 4 de maio, contaremos com os Símbolos na inauguração de um mural dedicado à Jornada Mundial da Juventude, na cidade de Leiria, com a presença do nosso bispo D. José Ornelas,do Presidente da Câmara Municipal, Gonçalo Lopes, de outras forças vivas da cidade e da região bem como de associações juvenis de Leiria.

Na tarde do dia 6 de maio, os adolescentes da Diocese partilham com os Símbolos o ENDIAD – Encontro Diocesano de Adolescentes, que contará com a atuação da Banda da Paróquia, no Jardim Luís de Camões. As centenas de adolescentes que se esperam vão apresentar os símbolos à cidade.

A Cruz Peregrina e o ícone de Nossa Senhora serão também integrados na Peregrinação Internacional Aniversária de 12 e 13 de maio, no Santuário de Fátima. Serão uma presença visível no altar do mundo na procissão de velas e na celebração do dia 13 e permanecerão durante toda a noite a companhar os jovens na vigília nocturna.

A peregrinação dos Símbolos termina na vigararia de Porto de Mós, no dia 31 de maio, renovando o convite a toda a comunidade diocesana para se encontrar e despedir dos Símbolos até à JMJ Lisboa 2023.

A Cruz peregrina e o ícone de Nossa Senhora, entregues pelo Papa São João Paulo II aos jovens em 1984 e 2003, estão em peregrinação pelo nosso país desde novembro de 2021 até julho de 2023, já passaram em 18 das 21 dioceses portuguesas e, durante o mês de abril, estão a percorrer toda a diocese de Coimbra.

Com 3,8 metros de altura, a Cruz peregrina, construída a propósito do Ano Santo, em 1983, foi confiada por João Paulo II aos jovens no Domingo de Ramos do ano seguinte, para que fosse levada por todo o mundo. Desde aí, a Cruz peregrina, feita em madeira, iniciou uma peregrinação que já a levou aos cinco continentes e a quase 90 países. Tem sido encarada como um verdadeiro sinal de fé.

Desde 2003 que a cruz peregrina conta com a companhia do ícone de Nossa Senhora Salus Populi Romani, que retrata a Virgem Maria com o Menino nos braços. Este ícone foi introduzido ainda pelo Papa João Paulo II como símbolo da presença de Maria junto dos jovens. Com 1,20 metros de altura e 80 centímetros de largura, o ícone de Nossa Senhora Salus Populi Romani está associado a uma das mais populares devoções marianas em Roma. 

Calendário das vigararias:

De 1 a 3: Vigararia das Colmeias

De 4 a 6: Vigararia de Leiria 

De 7 a 10: Vigararia dos Milagres

De 11 a 13: Vigararia de Fátima 

De 14 a 17: Vigararia de Ourém

De 18 a 20: Vigararia da Marinha Grande 

De 21 a 24 : Vigararia de Monte Real 

De 25 a 27: Vigararia da Batalha

De 28 a 31: Vigararia de Porto de Mós

Testemunho

Aceitar o desafio de entrar num autocarro rumo às JMJ Paris 1997 foi muito mais que fazer uma simples viagem em grupo! Foi abraçar uma aventura de descoberta pessoal mas em comunhão com milhares de jovens que, como eu, viviam e queriam ser igreja. Foi descobrir que a fé não tem barreiras, muito menos linguísticas, e que em cada rosto com que me cruzava naqueles dias, existia sempre um sorriso e uma gigante cumplicidade! Foi, sem dúvida marcante a vivência de fé com a família que nos acolheu e mais ainda a noite de vigília em Longchamp em que parecia estar dentro de uma bolha de amor, apesar do cansaço, do frio, do desconforto e das minhas fragilidades. Foi entender que ser Igreja e viver em Cristo é isso mesmo, sermos desafiados, sabendo que nunca estamos sozinhos, pois Ele está sempre connosco! Foi uma experiência única e hoje sei que a riqueza das JMJ será uma das memórias mais bonitas e bem guardadas no meu coração!

Carla Aguiar – Paróquia de Leiria – JMJ Paris 1997

Visita…

A Austrália visitou virtualmente Leiria-Fátima. Em Adelaide, na Austrália, há 7 jovens que querem participar nos Dias nas Dioceses em Leiria-Fátima.

Arquivo PDF
http://l-f.pt/hapressa
O módulo não pode ser fornecido porque o conteúdo solicitado não é (por mais tempo) acessível. Entre em contato com o administrador para obter acesso.

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress