Festa do Acolhimento na paróquia da Freixianda

Acolhidas pelos catequistas à entrada da igreja, as 16 crianças que iniciaram o seu percurso de catequese este ano mostraram-se descontraídas e sorridentes.
http://lefa.pt/?p=55095

No dia 5 de novembro, as crianças do 1º ano da catequese tiveram a sua Festa do Acolhimento. Foi na igreja paroquial, na missa dominical da comunidade, a quem as crianças foram apresentadas e por ela acolhidas.

Acolhidas pelos catequistas à entrada da igreja, as 16 crianças que iniciaram o seu percurso de catequese este ano mostraram-se descontraídas e sorridentes. Trazendo consigo um coração em que estava gravado o seu nome, entraram na igreja e, chegadas à zona do altar, foram coloca-lo num cartaz que evidenciava Jesus e as suas palavras “Deixai vir a mim as criancinhas”.
De imediato, estando todas voltadas para a assembleia, foram apresentadas pelo seu nome e pela indicação do lugar onde vivem. As crianças, por sua vez, foram convidadas a olhar para a assembleia e a identificar algumas das pessoas ali presentes que, porventura, já conhecessem. Foram também convidadas a olhar a igreja no seu todo para que reconhecessem nela aquela que também é a sua casa, na qual podem entrar sempre, sem ser preciso tocar a campainha ou bater à porta.
Feita a apresentação, prosseguiu a celebração da eucaristia, usando cânticos e textos mais adequados à idade e mentalidade das crianças. Nalgumas partes também elas puderam intervir diretamente. Noutras foram os catequistas, os pais e o grupo coral que hoje se apresentou enriquecido com outros instrumentos e outras vozes.
As crianças, apesar de ainda não estarem muito habituadas a este tipo de celebrações, foram capazes de ir acompanhando e interagindo com o pároco que, do princípio ao fim, as foi interpelando e despertando o seu interesse e atenção.
No final da celebração, o pároco manifestou o seu apreço pelo interesse e participação dos pais, pela colaboração dos catequistas e pelo contributo do grupo coral e dos acólitos, e incentivou toda a assembleia a ser comunidade acolhedora das crianças, dos adolescentes e dos jovens e de todos os que, vindo de outras paragens, vão chegando até nós.
A celebração terminou com a entrega do “diploma” às crianças como recordação desta bela Festa do Acolhimento, início de um longo percurso de educação da fé e de vivência cristã.

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress