Escuteiras da Cruz da Areia fazem promessas

Foi no dia 20 de junho, no exterior da capela da Senhora do Monte, que quatro exploradoras e uma caminheira do agrupamento 776 da Cruz da Areia, fizeram a sua promessa. Foi um momento diferente, onde apenas estiveram presente os guias das patrulhas Esquilo, Pantera e Panda, o guia da Tribo Chefe Moniz, os guias de grupo das quatro secções, o chefe de unidade e mais um elemento de equipa de animação dos exploradores e caminheiros; os chefes de unidade dos lobitos e pioneiros, os familiares diretos e padrinho dos elementos que fazem a sua promessa, a chefe e o assistente de agrupamento. Foi desta forma simples mas responsável, que estes elementos deram seguimento ao seu percurso escutista, fazendo a promessa. 

O CNE privilegia neste momento as atividades de “patrulha” em pequenos grupos, não estando proibida a realização de Promessas. São indicadas orientações em: https://www.escutismoemcasa.pt/regresso-as-atividades/direcao-de-agrupamento, para o caso em que se opte por realizar as Promessas. Estas orientações estão na página onde vão sendo disponibilizadas todas as indicações para o CNE nestes tempos de pandemia (https://www.escutismoemcasa.pt/regresso-as-atividades).

Texto de Daniela Casimiro

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress