Conselhos económicos em formação sobre “partilha de bens”

Cerca de 50 membros de conselhos económicos e de comissões administrativas, vindos das paróquias de Bajouca, Barreira, Batalha, Cortes, Juncal, Meirinhas, Ortigosa, Santa Catarina da Serra e Vieira de Leiria, participaram na formação ministrada pelos departamentos diocesanos da administração e do património cultural.

A ação teve lugar no Centro Pastoral Diocesano, no passado sábado 11 de fevereiro. Ao ecónomo diocesano, padre Cristiano Saraiva, coube a missão de esclarecer sobre a administração dos bens das comunidades cristãs, as funções dos referidos conselhos e comissões e os procedimentos requeridos em termos eclesiais e civis. Por seu lado, o diretor do Departamento do Património Diocesano, Marco Daniel Duarte, falou da preservação do património móvel e imóvel das paróquias e dos cuidados a ter na sua manutenção, renovação e aumento, indicando algumas boas práticas.

O vigário geral, padre Jorge Guarda, felicitou os particiantes pelo generoso serviço que desempenham nas suas comunidades e sublinhou que a Igreja é uma grande família unida pela fé em Cristo e que todos os seus membros colaboram para que ela cumpra bem a sua missão espiritual no mundo. Disse ainda que, no aspeto económico, tanto as paróquias como a Diocese subsistem da partilha de bens dos fiéis e das comunidades.

Recordamos que as normas da administração dos bens da Igreja na Diocese de Leiria-Fátima estão contidas num regulamento publicado pelo bispo em 2009 e que concretiza as normas contidas no Código de Direito Canónico. As relações com o Estado, nomeadamente no que diz respeito à fiscalidade, são reguladas pela Concordata de 2004 entre a Santa Sé e a República Portuguesa.

Partilhar / Print

Print Friendly, PDF & Email

Leia esta e outras notícias na...

Receba as notícias no seu email
em tempo real

Pode escolher quais as notícias que quer receber: destaques, da sua paróquia

plugins premium WordPress