Fevereiro 14, 2020

O bispo de Leiria-Fátima “estranha” as várias iniciativas parlamentares, critica os eufemismos com que a eutanásia é apresentada e afirma que “a sociedade não pode ficar indiferente”.